Próxima viagem: Transfer em Santiago no Chile com a Transfer Brasil

Cordilheira dos Andes Chile
Chegando em Santiago, no Chile. Foto: GC/Blog Vambora!

Depois de uma viagem longa de avião, ter a tranquilidade e a comodidade de ter alguém lhe esperando no aeroporto é uma das melhores sensações! Nada do estresse de chegar num país estrangeiro e não saber se é melhor pegar taxi, metro, qual ônibus usar, etc. Por isso, nessa nossa viagem ao Chile, resolvemos testar um transfer em Santiago que é todo em português!

Em Santiago, especialmente, é muito indicado usar um serviço de transfer já que são comuns golpes de taxistas em turistas e o UBER ainda é um serviço não liberado oficialmente no pais. Como no aeroporto a fiscalização é maior, os motoristas de aplicativo tendem a não ir para lá, nem pegar passageiros.

+ Chip de celular no Chile, tire suas dúvidas!

Sabendo disso, logo que fechamos essa viagem, fomos atrás de um serviço de transfer em Santiago para testar e chegamos na Transfer Brasil e gostamos muito! Todas as dicas e nossa experiência com eles segue abaixo. Vambora!

1-) Sobre a Transfer Brasil

Transfer em Santiago
Transfer em Santiago, no Chile, com a Transfer Brasil. Foto: GC/Blog Vambora!

Conhecemos a Transfer Brasil pesquisando sobre empresas de transfer em Santiago e vimos que eles eram muito recomendados.

A empresa, foi criada por uma família de brasileiros que se mudou para Santiago há alguns anos e acabou vendo um nicho de mercado ao ver um número cada vez maior de brasileiros viajando para o Chile.

2-) Nossa experiência com transfer em Santiago

Transfer Brasil Aeroporto de Santiago
Transfer Brasil no Aeroporto de Santiago. Foto: GC/Blog Vambora!

Já posso adiantar e dizer que nossa experiência com a Transfer Brasil em Santiago foi ótima, tanto na ida como na volta.

Desde o início, pesquisando sobre maneiras de como sair e chegar no Aeroporto de Santiago, vimos que usar um serviço de transfer era uma das melhores opções e lá fomos testar a Transfer Brasil, uma das empresas mais recomendadas que encontramos.

Um dos grandes diferenciais deles é que o serviço é todo em português, do site para realizar a reserva, ao atendimento, inclusive in loco no aeroporto.

+ Seguro viagem para o Chile com desconto!

A reserva no site deles aliás foi muito fácil e rápida, bastando preencher um formulário em que já aparece o valor do transfer para o endereço exato da sua hospedagem em Santiago.

Reserva feita, achei outro belo diferencial: o contato deles e atenção com o viajante, com eles enviando informações sobre o aeroporto de Santiago, como passar pela imigração, local de espera, tudo por email e por whatsapp.

Chegando em Santiago, seguimos todas as indicações enviadas e logo encontramos a placa deles nos esperando no desembarque.

Um fato bem legal da Transfer Brasil é que você não tem que ficar esperando o veículo encher para ir até seu hotel, nem esperar outros voos chegaram para pegar mais passageiros, como acontecem com alguns transfers. Cada veículo leva apenas passageiros que estão chegando no mesmo voo ou muito próximos do seu, ou seja, uma vez que você desembarca em Santiago, já logo vai para o veículo e de lá até seu hotel, com zero espera.

Kit Transfer Brasil
Kit de boas vindas da Transfer Brasil. Foto: GC/Blog Vambora!

Uma bela surpresa e outro diferencial da Transfer Brasil em Santiago: todo passageiro recebe um kit de boas vindas contendo 1 chip de celular para usar no Chile por adulto, uma caneta detecta notas falsas e um pequeno guia com dicas e informações essenciais de Santiago. Achamos isso bem legal!

Os veículos são bem novos e confortáveis. Tanto na ida como na volta, estávamos em 5 pessoas numa van grande. Ponto extra, aliás, para isso, já que como pudemos perceber o trânsito de Santiago é bem intenso, e na chegada, chegamos bem no fim da tarde, na hora do rush, e acabamos ficando mais tempo que o previsto presos no trânsito. Mas como estávamos com bom motorista e um carro confortável, foi tudo muito tranquilo.

+ Hotel em Santiago, no Chile

Na volta, indo para o aeroporto, nosso voo era bem cedo, então tivemos que pegar o transfer de madrugada. Outro diferencial: eles entraram em contato via whatsapp para marcar o horário exato que o transfer ia passar no nosso hotel, bem como nos indicar qual seria o carro, placa e nome do motorista.

Transfer Brasil Santiago Chile
Empresa Transfer Brasil em Santiago, no Chile. Foto: GC/Blog Vambora!

No dia, às 5h da manhã, depois de um atraso de 2 minutos, enviei uma mensagem para o atendimento de WhatsApp deles, perguntando onde estaria a van, e para minha surpresa logo me responderam e tranquilizaram que ela estava logo na esquina (a saber, uma outra passageira tinha atrasado, o que fez o motorista esperar alguns minutos a mais).

Novamente fomos numa van mega confortável, bem como motorista super educado, dirigindo muito bem. Como nesse horário não tinha transito, chegamos tranquilamente no aeroporto, com o motorista nos deixando exatamente no local de embarque da nossa companhia aérea.

Conclusão: serviço impecável, do inicio ao fim, com atendimento nota 10.

3-) Outras maneiras de sair e chegar ao Aeroporto de Santiago

Check in da SKY Airline no Aeroporto de Santiago
Área de check in do Aeroporto de Santiago. Foto: GC/Blog Vambora!

Além de transfer, há outras maneiras para ir e voltar do Aeroporto de Santiago (chamado de Aeroporto Internacional Comodoro Arturo Merino Benítez). São elas:

– Táxi: como dissemos mais acima, os táxis em Santiago não tem uma fama tão boa, sendo comuns golpes em turistas, tanto no aeroporto como na própria cidade. Vale evitar se puder.

– Uber: esse serviço de transporte por aplicativo ainda não foi completamente liberado em Santiago e assim sendo, por uma maior fiscalização a grande maioria dos UBER’s em Santiago não pega nem leva passageiros para o aeroporto.

+ Aluguel de carro no Chile: veja preços

– Ônibus: existem duas empresas que levam e trazem do centro de Santiago até o aeroporto, a Turbus e a Centropuerto. Ambas saem do mesmo local, o primeiro piso, e tem preços semelhantes. Os ônibus fazem algumas paradas pelo caminho e levam cerca de 45 minutos até o centro da cidade. Hoje é a maneira mais econômica de ir para o aeroporto de Santiago, boa opção para quem viaja sozinho, com bagagem pequena e quer economizar. Geralmente depois do ônibus é preciso pegar a linha do metrô ou caminhar até seu hotel.

– Transfer compartilhado: existem algumas empresas chilenas que realizam transfer compartilhado, ou seja, van que esperam lotar para sair do aeroporto. O preço é mais barato do que um transfer exclusivo, como da Transfer Brasil que explicamos acima, mas não dá para saber quanto tempo de espera você ficará até a hora da van lotar, nem o horário que chegará no hotel, já que a ordem de descida dos passageiros é definida pelo local do hotel de cada um. Você pode ser o primeiro a descer ou o último…Entre um transfer desse ou exclusivo, pelo custo X benefício x conforto, o exclusivo é bem melhor e rápido.

Sabendo disso, qual é a sua escolha? Pelo conforto, segurança e praticidade a gente acha que o transfer exclusivo compensou e que valeu muito a pena! Fica a indicação. Vambora?

+ info: https://transferbrasil.cl/

*** Mais dicas de SANTIAGO e do CHILE:
– Sky Airline: como é voar com a low cost para o Chile
10 Comidas típicas do Chile para experimentar quando você for
Seguro Viagem para o Chile ou Argentina, precisa fazer?

Planeje aqui a sua viagem!

Blog Vambora!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Ir para o topo